Curso de Ciências Ambientais


Características gerais do curso

O curso de Ciências Ambientais é de quatro anos e meio de duração, e seu plano de estudos está estruturado em dois ciclos:

  • Um Ciclo Geral: de dois anos de duração, equivalente ao do curso de Agronomia, que tem como objetivo principal brindar uma sólida formação básica e geral;
  • Um Ciclo Profissional: de dois anos e meio de duração, no qual se avança na formação específica de conhecimentos que fazem ao campo profissional das Ciências Ambientais. Para finalizar o curso, o aluno deverá completar um Ciclo de Intensificação, constituído por um conjunto de atividades obrigatórias e complementares, e por um Trabalho de Intensificação ou projeto de tese. Também, durante este ciclo, o aluno deverá optar por uma das quatro orientações oferecidas: Tecnológica, Política Ambiental, Conservação, e Manejo.
Sistema de Créditos

O curso está estruturado segundo um sistema de designação de créditos. Cada curso ou oficina tem adjudicado determinada quantidade que se vai somando durante o curso. Cada crédito tem um valor equivalente a 16 h. e os alunos poderão cursar até 12,5 por bimestre. Para obter o título de Bacharel em Ciências Ambientais é preciso um total de 185,5 créditos.

Título que outorga:
  • Bacharel em Ciências Ambientais

 Objetivo

As Ciências Ambientais reúnem a avaliação científica das potencialidades, limitações e suscetibilidades do ambiente, com o desenvolvimento de soluções aos problemas de deterioro da qualidade ambiental. Constituem uma resposta aos quesitos de harmonizar o desenvolvimento com a preservação da qualidade dos recursos naturais renováveis e com a conservação da qualidade do ambiente.

O objetivo do curso é formar profissionais capazes de planejar, desenhar, executar, implementar, manter e administrar ambientalmente projetos produtivos, de serviços e de proteção, combater problemas de deterioro ambiental e implementar medidas de salvaguarda da qualidade do ambiente, assumindo a sustentabilidade e um compromisso ético com a sociedade.

Campo de trabalho

Os futuros Formados serão capazes de:

  • conceituar, desenhar, implementar e operar os meios de mitigação do dano, remediar o deterioro e/ou saneamento ambiental, através da tecnologia adequada;
  • intervir diretamente no que respeita à identificação das fontes contamináveis e/ou de deterioro;
  • gerar ações e políticas que compatibilizem o desenvolvimento econômico com a sustentabilidade ambiental;
  • liderar planos e estratégias de manejo para o aproveitamento, a conservação e a proteção dos recursos naturais;
  • avaliar, dirigir e supervisar estudos de impacto ambiental;
  • participar em equipes interdisciplinares que abordem, com um enfoque sistêmico, a solução de problemas ambientais;
  • contribuir na construção de marcos legais, normativas e políticas, para a preservação do patrimônio natural;
  • desenvolver a pesquisa científica e a extensão dos conhecimentos relacionados com a tecnologia ambiental. technology.

Informes

María Florencia Silva
Tel. +54-11-4-524-8070 ó +54-11-4-524-8000 int 8139 | E-mail: licamb@agro.uba.ar